20 de ago de 2008

Avesso



Deponho
suponho e
descrevo a
pulso
subindo
pela fímbria
do despido
porque nada
é verdade
se eu invento
o avesso daquilo
que é vestido...

Maria Teresa Horta

Nenhum comentário: