21 de out de 2007

Explícito


Nos lábios
gotejam
formas claras
íntimas
ato ilícito
reunindo contas
pérolas negras
Meu delito
é desejar-te
assim
nu
explícito


5 comentários:

Fernanda e Poemas disse...

Olá Vénus, linda postagem.
Parabens!
Beijos
Fernandinha

Fernanda e Poemas disse...

Olá Vénus, linda postagem.
Parabens!
Beijos
Fernandinha

directriz disse...

assim nu explícito!
era assim que deveria ser. sempre!

Baby disse...

Mais um poema vivo,conciso,explícito!
Parabéns, pela forma, pelo conteúdo.
Beijos.

françois disse...

I wish I could understand all nuances of Portuguese!