28 de mai de 2008



Recordo-te a respirar ali
a casa no silêncio
o silêncio em ti
tu em mim
e depois
não me lembro de mais nada...

Sarah Adamopoulos

25 de mai de 2008




No brilho redondo
e jovem dos joelhos.

Na noite inclinada
de melancolia.

Procura.

Procura a maravilha.



Eugénio de Andrade

24 de mai de 2008



"Que o meu céu seria beber-te
se tu fosses água.
E todas as flores de nomes impronunciáveis,
plantadas algures em cidades imagiárias,
seriam a sombra dos dias
que me sacia a fome
de uma existência
onde sou carnal"

Paulo Ferreira

21 de mai de 2008

Andalusian Stallion, Apassionatta







(...)Para meu coração basta teu peito
para tua liberdade bastam minhas asas.
Desde minha boca chegará até o céu
o que estava dormindo sobre tua alma(...)

Neruda

18 de mai de 2008


Os teus olhos
exigindo
ser bebidos

Os teus ombros
reclamando
nenhum manto

Os teus seios
pressupondo
tantos pomos

O teu ventre
recolhendo
o relâmpago


(David Mourão Ferreira)

14 de mai de 2008



O SORRISO

Creio que foi o sorriso,
0 sorriso foi quem abriu a
porta.
Era um sorriso com
muita luz
lá dentro, apetecia
entrar nele, tirar a roupa,
ficar
nu dentro daquele
sorriso.
Correr, navegar, morrer
naquele sorriso.


(Eugênio de Andrade)