28 de mai de 2008



Recordo-te a respirar ali
a casa no silêncio
o silêncio em ti
tu em mim
e depois
não me lembro de mais nada...

Sarah Adamopoulos

4 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Este pequenino poema diz tanto e tão bem...

Não fiquei a perceber se o poema é seu e a foto da Sarah...
A foto é magnífica. Posso roubá-la?

Beijinhos.

EDUARDO disse...

tao bonitooooo!!
lindo!!!!
a sério!

adoreo esta casa.

beijos


PARADOXOS

EDUARDO disse...

tao bonitooooo!!
lindo!!!!
a sério!

adoreo esta casa.

beijos


PARADOXOS

Su disse...

gostei desse não lembrar


jocas maradas