14 de out de 2009
























Abri a porta
entraste
e o mundo inteiro ficou lá fora
no corredor
acaricia meu rosto com tuas mãos
toca meu sexo com teus dedos
ondula minhas curvas
salga-me
absorve o mar de
água doce dos meus beijos
trespassa-me com teus olhos
ilumina o sol entre os meus seios
sopra nos meus cabelos
chora no meu peito
semeia tua fome
e colhe frutos no meu corpo
inteiro
entrelaça tuas mãos nas minhas
olha nos meus olhos
sente-me
sou tua

4 comentários:

Tatiane Trajano disse...

uauuuuuuuuuuuuuuuuu...
Gostei muito disso!!!

=P~~~~~~

me deixou com água na boca.
rs

Luís Filipe C.T.Coutinho disse...

A entrega que trespassa o corpo , que se enche de sentimento e calor...




beijo

meus instantes e momentos disse...

belo post.
Parabens, muito bom.
Inspira.
Maurizio

Giovani Pasini disse...

Gostei do seu blog, parabéns!
Muito bom o texto!
Se quiser visitar o meu blog,
falo sobre educação e cultura.
Quero divulgar os meus textos,
se puder prestigiar
é só visitar o endereço abaixo:
http://giovanipasini-educacao.blogspot.com

A partir de hoje sou seu seguidor!