21 de jun de 2012












  • ‎" Na tua luz eu aprendi a amar. 
    Em sua beleza, como fazer poemas. 
    Você dança dentro do meu peito, 

    onde ninguém vê. "

    - Rumi

17 de jun de 2012

Sol em mim




Despedi-me
 do inverno
e do abismo
das incertezas
que cobrem o sol
dos meus dias

Bruma densa
onde o silêncio
fala
cala
fere a alma

Agora
 o corpo exala
o líquido
efeito do
sol em mim


Luz que devasta
sem pressa
e manda embora
a solidão

És o sol dos meus dias...



Nane....